Bem-Vindos ao Blog Escola!

"Educação não transforma o mundo. Educação muda pessoas. Pessoas transformam o mundo". Paulo Freire


"Competência é a capacidade de mobilizar o que se sabe para realizar o que se deseja. Exerça a sua sempre!" Claudio Fonseca

“A educação é um ato de amor, por isso, um ato de coragem. "Paulo Freire



25 de janeiro de 2010

Matéria: Aprenda a usar o gerúndio corretamente!


 
Gerúndio é uma forma verbal conhecida como forma nominal do verbo, juntamente com o infinitivo e o particípio. Os gerúndios são terminados em "ndo". É chamado de forma nominal, porque o verbo pode em certas situações atuar como nome (substantivo, adjetivo ou advérbio).
Esta forma nominal pode e deve ser usada para expressar uma ação em curso ou uma ação simultânea a outra, ou para exprimir a idéia de progressão indefinida. No Brasil o gerúndio é usado de uma maneira exagerada, talvez por ter influência da língua inglesa.
O uso do gerúndio será cada vez mais impróprio quanto mais próximo estiver da função adjetiva, ou da expressão de qualidades ou estados, ou quanto maior a distância entre o tempo da ação expressa por ele e o tempo da ação do verbo principal.

Exemplos:
- Você pode estar passando o número do seu telefone.
- Eu vou estar indo pessoalmente levar os seus pertences.
- Ela vai estar mostrando como tudo aconteceu.
O gerúndio é usado corretamente quando expressa ações que estão acontecendo, no presente. Não deve ser utilizado para o futuro.


Exemplos:
- Presente
Vamos enviar os materiais na semana que vem. (correta)
Nesta semana estou estudando para o vestibular. (correta)
- Futuro
Estarei enviando os materiais na semana que vem. (incorreta)
Nesta semana estarei estudando para o vestibular. (incorreta)

O gerúndio também está bem-empregado quando há predominância do caráter verbal ou adverbial; caráter durativo da ação está claro; a ação expressa é coexistente ou imediatamente anterior à ação principal.

Fonte: Site Terra e Colégio Web

Nenhum comentário: